GestãoLogística

Conheça 4 tipos de logística para adotar na sua empresa

Sabemos que a logística é vasta e não trata-se apenas do transporte de mercadorias.  Mas ela refere-se a “habilidades de raciocínio lógico e cálculo”.  

Além disso, a logística é uma área que se encarrega de diversas atividades. E conhecer mais sobre cada uma delas é essencial para uma melhor gestão empresarial.

Hoje podemos classificar a logística em quatro tipos principais e pensando em lhe ajudar a entender sobre os quatros tipos de logística, a GeoSales desenvolveu esse artigo.

Logística de abastecimento

Nesse tipo passa os processos para abastecer uma empresa com matéria-prima necessária para a fabrica. Dessa maneira ela foca na necessidade de reabastecimento, controle dos níveis de estoque e no volume de vendas. 

Desse modo passando a ser possível estimar a demanda de forma mais apropriada para o consumidor final. Assim, tornando-se um diferencial já que ela permite o atendimento dos prazos que foram estipulados.

Logística de Produção

É uma modalidade bastante usada em indústrias e é ela indica sua conversão da matéria prima no produto final. Mas será necessário coordenar as etapas de montagem e fabricação. Assim, objetivando o controle de fluxo de materiais em empresas que tenham fabricas.

Não podemos esquecer que a logística também envolve o acompanhamento de mercado externo. Mas é preciso um controle na criação de planejamento de produção. Lembrando que esse planejamento de produção serve para prevenir sobras de mercadorias e futuros prejuízos.

Entretanto, a logística não está relacionada apenas à modais de transporte ou somente ao estoque. Mas, está com toda uma cadeia de um negócio. Além disso, existem diversas formas de entender cada um desses tipos de logística seja por treinamento quanto por curso.

Distribuição

A logística da distribuição é bastante conhecida e é a responsável pelo planejamento de entregas. Além disso, suas tarefas de distribuição entendem como é o fluxo de atividades, onde é possível fazer com que suas entregas cheguem no prazo estipulado. 

Entretanto, vale ressaltar que na logística da distribuição o cliente quase nunca é o consumidor final. E a pessoa responsável deve cuidar da reposição de estoque. Essa pessoa também deve observar prazos de validade, além de inspecionar equipamentos de carga e descarga.

A logística de distribuição é uma área que requer maior atenção e investimentos dos gestores. Pois, o impacto dessa área afeta diretamente a rentabilidade da empresa. Ela é o centro da distribuição de produtos e passa por diversas etapas, como:

  • Conferência de cargas;
  • Gestão dos fretes;
  • Planejamento de roteiro de entregas;
  • Controle dos transportes;
  • Monitoramento.

Reversa

Essa logística é encarregada de gerenciar a sustentabilidade da empresa, criando processos benéficos para todos. Seu foco é desenvolver estratégias para evitar qualquer desperdício de materiais.

Uma empresa que trabalha com a logística reversa, por exemplo, é a empresa de refrigerante Coca Cola. A Coca Cola é um empresa que está no mercado há anos e desenvolve diversas estratégias de logística reversa, assim como outras empresas.

Além disso, essas empresas também recuperam o que sobra dos processos de produção. O objetivo dela é reintegrar o que sobra de materiais tanto de produção quanto de montagem e venda.



Lisandra Sousa

Marketing GeoSales




Gostou do nosso artigo? Imagino que provavelmente vai querer ver outros. Chega mais na nossa última publicação.

Esse artigo foi útil?
[Total: 0 Average: 0]

Deixe seu comentário